null Manual «Liaisons» agora em português

Apresentado «Ligações - um manual para a prevenção do extremismo violento através da informação para jovens»

Versão, em língua portuguesa, de «LIAISONS» adaptada e editada pelo Centro de Juventude de Lisboa.

21/12/2020

O Centro de Juventude de Lisboa do IPDJ (CJL) apresentou, no passado dia 21 de dezembro, a publicação «Ligações - um manual para a prevenção do extremismo violento através da informação para jovens», a versão em língua portuguesa, do manual «LIAISONS» da ERYICA (European Youth Information and Counselling Agency).

Da autoria da ERYICA e dos seus membros francófonos (Centro de Informação e Documentação para Jovens de França, Centro de Informação para Jovens do Luxemburgo, Centro de Informação e Documentação para Jovens da Bélgica e Infor Jeunes de Bruxelas),  tem como objetivo contribuir para a prevenção do extremismo violento das pessoas jovens através da informação para jovens. Esta publicação contou com o apoio do Conselho da Europa e do Bureau International Jeunesse (Federação Valónia-Bruxelas, Bélgica).

A sessão de apresentação, que ocorreu em direto no Facebook do CJL, contou com a presença de Imre Simon, consultor e responsável pela área de desenvolvimento da ERYICA, de Pedro Folgado, autor do livro «Radicalização Violenta - Abordagem no domínio da Juventude», de Carlos Alves Pereira, vogal do Conselho Diretivo do IPDJ e de Eduarda Marques, diretora regional de Lisboa e Vale do Tejo e diretora do Centro de Juventude de Lisboa do IPDJ.

Esta é mais uma publicação editada pelo CJL, em formato digital e em papel. A versão digital deste manual está disponível aqui.

Contatos

Telefone

+351 218 920 800

Email

cjlisboa@ipdj.pt

SUBSCREVER NEWSLETTER

Newsletter subscrito com sucesso Não foi subscrever o Newsletter. Por favor tente mais tarde
logos-do-site

Utilizamos cookies no nosso site para lhe proporcionar a melhor experiência. Ao continuar a navegar, está a autorizar a nossa utilização destes cookies. No entanto, se pretender saber mais informações, nomeadamente como alterar as suas definições, consulte a nossa Politica.