>
<

COMO PODEMOS AJUDAR?


Saúde Juvenil

Alimentação e atividade física

Hábitos saudáveis



A alimentação saudável e a atividade física são os principais determinantes da nossa saúde, capazes de evitar ou retardar as principais doenças causadoras de morte ou incapacidade. As doenças oncológicas ou cardiovasculares podem ser prevenidas através de hábitos alimentares saudáveis (nomeadamente pelo consumo diário de fruta e hortícolas), pela manutenção de um peso corporal adequado e pela prática regular de exercício físico.  
 

Alimentação Saudável

No que respeita à obesidade e à pré-obesidade em Portugal, e segundo o Inquérito Alimentar Nacional e de Atividade Física, com os dados recolhidos entre 2015 e 2016, 44,3% e 38,6% da população geral apresenta, respetivamente, excesso de peso ou obesidade.

A crescente oferta da indústria de alimentos processados e de origem animal tem favorecido dietas desequilibradas, ricas em gordura, sal, açúcares e carência de legumes e fruta, peixe e cereais. Este fenómeno é acentuado pelas caraterísticas das rotinas dos dias de hoje, associadas à falta de tempo para cozinhar, que potencia o consumo de alimentos pouco saudáveis, processados e instantâneos.

alimentação_acitvidade_fisicaCuida-te+Alimentação-e-atividade-física

No entanto, comer de forma equilibrada não requer necessariamente muito tempo. Pode ser divertido e inclusivamente mais barato:

  • Variar: É importante comer alimentos dos vários grupos e respeitar as proporções da roda dos alimentos variando o mais possível dentro de cada grupo e ao longo das várias épocas do ano;
  • Distinguir: Devem ser consumidos com menor frequência os alimentos mais desequilibrados, processados, com mais gordura, açúcar e sal. A base da alimentação deve incluir produtos hortícolas, frutos, cereais, leguminosas e alimentos ricos em fibra, vitaminas, sais minerais e com baixo teor de gordura;
  • Equilibrar: Deve ser consumida tanta energia quanto a que se gasta, caso contrário haverá acumulação de gordura e aumento de peso. Assim, quanto menos energia é perdida durante o dia, menos calorias devem ser consumidas. Se o objetivo é perder peso, deve ser consumida menos energia do que a necessária, havendo, no entanto, especial cuidado na escolha dos alimentos, de modo a satisfazer as necessidades nutricionais. Planos alimentares muito restritivos, tanto em energia como em diversidade de alimentos, podem estar na origem de carências que debilitam o estado de saúde.
  • Distribuir: Para uma adequada distribuição dos alimentos ao longo do dia, é importante variar na escolha dos alimentos consumidos, adaptando as quantidades ingeridas à atividade física diária. Beber água em abundância ao longo de todo o dia é essencial.

 

Atividade Física

A prática regular de atividade física e desportiva é recomendada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como um factor promotor da saúde. A OMS recomenda que os jovens pratiquem, diariamente, pelo menos, 60 minutos de atividade física de intensidade moderada a vigorosa, incluindo pelo menos 3 vezes por semana, 20 a 30 minutos de atividades que convoquem o sistema musculoesquelético para a melhoria da força muscular, da flexibilidade e da resistência óssea.

Aconselhamento nutricional e atendimento na área da atividade física e desportiva disponível nos Gabinetes de Saúde Juvenil do IPDJ.


Atualizado em: 31/03/2020

SUBSCREVER NEWSLETTER

Utilizamos cookies no nosso site para lhe proporcionar a melhor experiência. Ao continuar a navegar, está a autorizar a nossa utilização destes cookies. No entanto, se pretender saber mais informações, nomeadamente como alterar as suas definições, consulte a nossa Politica.