>
<

COMO PODEMOS AJUDAR?


Sessão de abertura da Conferência de Ministros da Juventude 2019

Lisboa+21: Enquadramento



Em 2019, Lisboa foi, pela segunda vez, palco da Conferência Mundial de Ministros responsáveis pela Juventude. 100 delegações, que contaram com Ministros e Ministras responsáveis pela Juventude, representantes de Governos e Delegados e Delegadas jovens, reuniram para discutir formas de assegurar que os Direitos Humanos das pessoas jovens são efetivados. Pela primeira vez na história das conferências ministeriais globais, Delegados e Delegadas jovens, representantes da Juventude do seu país, acompanharam a Delegação formal dos Governos e discutiram, em pé de igualdade, os compromissos necessários para fazer face às megatendências que moldam o presente e o futuro.

Declaração Lisboa+21 (versão EN) é a Declaração Final da Conferência Mundial de Ministros Responsáveis pela Juventude 2019 e Fórum da Juventude Lisboa+21. O documento foi proclamado tanto pelos Ministros e Ministras responsáveis pela Juventude ou representantes dos Governos, como pelos Delegados e Delegadas Jovens presentes no evento Lisboa+21, incorporando, desta forma, a visão dos Governos e da Juventude, em pé de igualdade. O documento conta, ainda, com o endosso da Enviada do Secretário Geral das Nações Unidas para a Juventude, do Departamento dos Assuntos Económicos e Sociais, da OIT, da UNESCO, da UNFPA e da UNICEF.

A Declaração Lisboa+21 faz parte integrante do património Global em termos de políticas e programas de Juventude, sendo um documento que não deve ser lido e interpretado como único e independente. A Declaração reiterara a relevância de outros documentos internacionais e afirmara as bases sobre as quais as políticas e programas de Juventude deverão ser construídas, nomeadamente o Programa Mundial de Ação para a Juventude e a Declaração de Lisboa de 1998. Os documentos referidos deverão ser tidos em conta de forma interligada, e Lisboa+21 entendida como uma resposta aos novos desafios emergentes do século 21, no enquadramento desenhado no século 20.

vista do painel e público na Conferência Mundial de Ministros responsáveis pela Juventude.Ministro da Educação, Tiago brandão, e o presidente do Conselho Nacional da Juventude levantam a declaração lisboa+21 na Conferência Mundial de Ministros responsáveis pela Juventude.

Atualizado em: 23/10/2020

SUBSCREVER NEWSLETTER

Newsletter subscrito com sucesso Não foi subscrever o Newsletter. Por favor tente mais tarde

Utilizamos cookies no nosso site para lhe proporcionar a melhor experiência. Ao continuar a navegar, está a autorizar a nossa utilização destes cookies. No entanto, se pretender saber mais informações, nomeadamente como alterar as suas definições, consulte a nossa Politica.